40 clipes maranhenses lançados em 2016 que você precisa assistir – parte 1

Assim como nos últimos anos, 2016 também foi um ano bastante produtivo para a música maranhense. Não só grandes (e bastante aguardados) discos foram lançados (falaremos sobre estes lançamentos em outro post), como vários videoclipes foram divulgados.

artistassobreotatamecapa
Abaixo a primeira parte de uma série de 4 com os lançamentos de artistas maranhenses. (Foto: Reprodução / YouTube)

Do rock ao brega, do pop ao metal, do rap à MPB: os estilos foram diversos, assim como os formatos. Animações, gravações em estúdio, formatos intimistas, versões ao vivo e até passeios pelo Centro Histórico de São Luís.

Veja, abaixo, a primeira parte – de uma série de 40 lançamentos audiovisuais da cena musical do Maranhão:

1 – Royal Dogs – Closer To Royal

Em 2016, a banda Royal Dogs chegou cheia de novidades. Com mudanças na formação e o anúncio de um novo disco, o terreno estava preparado para o lançamento de Closer To Royal, primeiro single do segundo álbum de estúdio da banda, chamado Tattoo You. Com mais de 10.000 visualizações no YouTube, o vídeo rodou o Brasil e conquistou o público.

2 – Israel Costa – Seja Eu

Liberado virtualmente no fim de 2014, O Menino, último disco de estúdio do cantor e compositor maranhense Israel Costa, conta com várias músicas bastante elogiadas pelo público nordestino. Uma delas é Seja Eu, faixa que ganhou videoclipe dirigido por Felipe Sobrinho e Peter M. Buckland.

3 – Bruno Batista – Nigrinha

Nascido em Recife (PE),  o cantor e compositor Bruno Batista chegou em São Luís aos quatro anos de idade e aqui iniciou um relacionamento sério com a cultura local. Bagaça, seu quarto álbum, lançado este ano, conta com produção esmerada de Rovilson Pascoal. Nigrinha, uma das faixas de destaque, teve sua letra feita em parceria com o cantor Zeca Baleiro. A faixa traz, ainda, a participação especial do cantor paraense Felipe Cordeiro comandando a guitarra.

4 – Marcos Magah – Thoureau

O dia em que o homem lúcido e perigoso quase encontrou Henry Dave Thoureau em São Luís do Maranhão. Ou, simplesmente, Thoureau, faixa do cantor e compositor maranhense Marcos Magah, que ganhou clipe com roteiro, direção, fotografia e edição realizadas por Leandro Guterres.

5 – Pabllo Vittar – Minaj

2016 foi o ano de vários artistas despontarem. Um deles foi a drag queen maranhense Pabllo Vittar, que conseguiu mais de um milhão de visualizações com o segundo clipe da carreira, intitulado Minaj.

6 – Jotas – Pentecostes

Nos últimos anos, a banda de pop-rock gospel Jotas teve uma agenda corrida: lançou o EP de estreia (Esperar o Melhor), emplacou canções em rádios locais e fora do Estado, fez shows para centenas de pessoas; se apresentou em várias cidades brasileiras e planejou várias novidades para 2016. A primeira delas foi o webclipe de Pentecostes.

7 – Gallo Azhuu – Bruxa

Dirigido por Inácio Araújo e Leide Ana Caldas, o clipe de Bruxa, da banda maranhense de rock Gallo Azhuu, foi uma das gratas surpresas do primeiro semestre de 2016. Com um tom sombrio, o vídeo contou, ainda, com as participações especiais das atrizes Louise Gonçalves, Alice Nascimento, Diohana Estrela e Priscilla Viana.

8 – Catch a Fire – Armagedom

Tem espaço para o rap entre os lançamentos? Com certeza. Figurinha carimbada entre os destaques de 2016 (como veremos nos próximos posts), o rap fincou sua presença na cena musical do Maranhão – e um dos primeiros destaques do ano foi o videoclipe da faixa Armagedom, da dupla Catch a Fire. O clipe foi produzido pela Daguerre Filmes e conta com a direção de Emílio Sagazrock.

9 – Fábio Allex – Niilismo

Em 2016, pudemos conferir o aguardado disco De Volta ao Passado que Nunca Vivi, segundo álbum de estúdio do cantor e compositor maranhense Fábio Allex. Antes de lançar o disco, o artista liberou o videoclipe da faixa Niilismo.

10 – Heriverto Nunes – Cabocla Ita

Com cenas no Terreiro de Iemanjá, Viva Deus, Olhares de Maria, Terreiro de Nossa Senhora da Guia I e II (os dois últimos em Cururupu) e na União Espírita de São Raimundo Nonato (em Bacabal), o clipe de Cabocla Ita marcava mais um ponto alto da carreira do cantor maranhense Heriverto Nunes.

Na parte 2 irei trazer mais de talentos e seus trabalhos audiovisuais para o mundo lançados este ano.


Veja também:

Sobre O Tatame Sessions #1: estreando com Adnon levando uma versão de voz e piano da canção Reach Out The Sun, da Soulvenir 

Sobre O Tatame Sessions #2 apresenta: a sonoridade de Paulão

Relacionados

Aceite-C: Carol, música e reflexão Diante de tantas convenções, relações afetivas, profissionais e sociais; preconceito, hipocrisia e falta de educação, é cada vez mais difícil ver as pessoas agirem com naturalidade. Ser leve, de boa, livre – aquele lance de “seja você mesmo” é algo que está se tornando cada vez mais raro. Tenho a se...
Sobre O Tatame entrevista: o rapper paulista Sínte... Não vamos falar muito, apenas que estamos muito felizes com o material que vamos compartilhar abaixo. Entrevistamos o rapper paulista, Síntese. Falamos sobre música, sobre a atual conjuntura do nosso imenso Aquário Azul, sobre arte, energias, atitude, sobre a vida. Foram dez minutos em que ele fala...
40 clipes maranhenses lançados em 2016 que você pr... Três partes já foram - e vimos de tudo um pouco por aqui. Para nossa surpresa, muitos dos clipes listados neste especial passaram despercebidos por vários maranhenses - e muitos vieram nos elogiar pela compilação e por terem tido acesso à estes materiais (agradecemos de <3). Com essa lista, f...
8 músicas para se apaixonar pelo som de Daniel Gro... Mesmo com 15 anos de carreira, não é todo mundo que tem o prazer de dizer que conhece o som de Daniel Groove. O cearense é um cantor, compositor e músico profissional desde a década de 90. Em 2013, em seu projeto solo lançou o primeiro disco Giramundo, ganhador do prêmio Dynamite 2014 de melhor álbu...