Consciência

Maktub,
Particípio passado do verbo Kitab.
É a expressão característica do fatalismo muçulmano.
Maktub significa: “estava escrito”; ou melhor, “tinha que acontecer”.
Essa expressiva palavra dita nos momentos de dor ou angustia,
Não é um brado de revolta contra o destino,
Mas sim, a reafirmação do espírito plenamente resignado diante dos desígnios da vida.

 

 

tumblr_nivgktqwP61rjpya7o1_500

Pense em algo que está contigo, não abre mão e te mostrar quem tu és sem máscaras, amarras e vem com lições preciosas dessa sutileza que é a vida. Além disso, sabe como ninguém a maestria dos acasos e aprendizados que temos. Pois é.

Consciência é algo que não tem pra onde correr, ela vai sempre te acompanhar. Até mesmo quando tu dorme.

Ela diz muito sobre teu caráter, teus valores e até defeitos, pois é ela que determina muito das tuas ações, por mais que você esconda ou ignore algo errado que fez ou pensou em fazer, é ela que te cutuca mostrando que, talvez, você está seguindo e agindo errado.

Em prosas pela vida, teve uma que marcou, quando um amigo levantou a frase: Acho que a nossa consciência é Deus!‘. E na boa, essa pode uma das mais belas traduções disso que uns chamam de peso, outros de responsabilidades e até karma. Não que tenhamos que enxergar como algo ruim, mas que isso possui um peso fundamental na nossa existência. Isso de encararmos nós mesmos com nossas escolhas e incompletudes.

A gente se perde, nega e até emerge mais fortes mediantes aos desafios do cotidiano. Vamos indo aos trancos e barrancos correndo atrás de nossos sonhos, magoamos e deixamos nos magoar, sussurramos e vibramos. Conosco e com os outros. Criando blindagens, cicatrizando mágoas ou tentando entender feridas. Mas algumas coisas só o tempo pra te mostrar como resolver.

Em meio a isso, estamos no balanço da linha tênue do viver, muitas das vezes sem nem saber o que querer, mas sim viver com uma paz momentânea ou um amor. Tudo aqui, com a consciência de que somos eternos responsáveis da vida que temos.

Se é ou não isso e outras coisas, eu não vou vir com frases de efeito, teorias ou algum pensamento de pessoas que estão aí tentando se entender e o caos mundo afora. Nada disso, apenas vou deixar um pensamento e finalizo com um verso: Que voz é essa que te acalma em um momento angustiante?‘.

Relacionados

Sobre curtir a jornada entre becos, curvas, atalho... Na minha condição humana reina os mais simples e complexos anseios e medos pelas quais acabamos nos submetendo e nem sequer, ás vezes, entendendo. Sendo escravos do medo, dúvida e ego, vestimos capas para disfarçar nosso caos e harmonia interior ao invés de abraçar isso e encarar de frente como dois...
A (há) urgência de ter/querer/amar alguém (?) Quem já cultivou um relacionamento que durou algum tempo da sua vida ou viveu algo rápido, sabe que temos essas inconstâncias e nos deparamos com alguns dilemas sobre isso de querer ter alguém para ser feliz. Indo direto ao ponto, pergunto: é realmente necessário isso? Essa urgência? Isso que só exi...
A necessidade de desejar sentimentos ruins aos out... Então... Precisa mesmo? Calma, não venho com papo de positividade ou que você deve passar curtir as pequenas coisas da vida (até porque deixo elas pra quem realmente sabe a importância delas, em que uns desfrutam, outros não). O que quero dizer é que parece que vivemos hoje muito à flor da pe...
Não, não tenha pena de mim Essa síndrome do coitado não cola! Não que eu ache o mundo é injusto, o universo conspira contra a minha pessoa ou que eu mereça passar por alguma situação indigesta. Apenas existem coisas que realmente são necessárias a gente passar para dar lugar à algo mais maduro, sensato e pé no chão. E se for ...